Alunos FAEX fazem visita técnica na HBA-Hutchinson

13/11/2013


Acompanhados pelos professores Wagner Ribeiro Trindade e Darlei Veiga, os alunos do 2° período dos cursos superiores Tecnológicos em  Gestão da Produção Industrial e Gestão da Qualidade estiveram, nesta segunda-feira, 28,  na empresa HBA-Hutchinson Brasil Automotive  para uma visita técnica. A atividade foi intermediada pelo estudante Rafael Pereira da Silva – atual supervisor de produção da HBA. 



 



Ao chegarem à fábrica,  os alunos tiveram a oportunidade de assistir a uma palestra ministrada pelo Eng. de Processo Marcelo Sol sobre artefatos de borracha e sua cadeia produtiva. Em seguida, o responsável pela segurança do trabalho, Sr. Emmerson Sousa, entregou equipamentos de proteção individual - botas, óculos e protetor auricular para que todos os estudantes pudessem percorrer os setores da produção de forma segura. Guiados pelo Rafael Pereira, os alunos puderam observar todo o processo de produção da empresa,  as  instruções de trabalho, os pontos de controle e indicadores expostos.  Para finalizar, os alunos tomaram um excelente café oferecido pela HBA.



 



A FAEX agradece a administração da HUTCHINSON por proporcionar aos alunos de GPI e GQ a oportunidade de conhecer parte de suas atividades e controles. De acordo com os professores Wagner e Darlei, a visita técnica colabora significativamente para a formação profissional do estudante, pois promove o conhecimento dos processos práticos relacionados às disciplinas teóricas da graduação; Estabelece contato com o ambiente da produção industrial; Possibilita ao aluno conhecer os principais indicadores de qualidade e produtividade assim como as rotinas de inspeção/controles de qualidade em suas fases de produção e, no caso da HBA, faz com que os estudantes conheçam as normas específicas de montadoras, tais como QSB e suas práticas. “A FAEX, através da parceria com as empresas da região, tem a possibilidade de promover visitas técnicas que são importantes para os estudantes. Certamente, um diferencial da nossa instituição”, afirmam os professores.



 



 



 



 


Imagens

Comentários